Tipos de costura

Tipos de costura

Essencialmente, a técnica de costura se constitui pela união de duas ou mais camadas de tecido, couro ou materiais próprios através de pontos. Máquinas de costura industriais são essenciais para alta produção de vestuário, já bordados caseiros, artesanatos, alta costura e alfaiataria utilizam uma combinação essencial de trabalho manual e máquinas de costura.

As costuras são classificadas por:

  • Sobreposta;
  • Rebatida;
  • Beirada;
  • Plana.

E sua posição na peça varia entre:

  • Acabamento;
  • Interna;
  • Lateral.

As técnicas de acabamento são variadas, e servem principalmente para prevenir o desfiamento do tecido, bem como garantir uma manutenção decente da peça. As costuras devem suportar cargas físicas, os tipos de ponto e linha influenciam diretamente na qualidade final, e o material deve condizer com as propriedades daquilo que se pretende. Nesse sentido, profissionais da área têxtil devem se familiarizar com vários tipos de costura, entendendo qual a correta para sua aplicação.

Os equipamentos das Máquinas União auxiliam qualquer costureiro ou linha de produção, e são perfeitas para executar com qualidade os trabalhos propostos. Os principais tipos de costura são:


Costura sobreposta

  • Duas ou mais peças de material sobrepostas;
  • Unidas pela borda;
  • Uma ou mais fileiras de ponto.

Os pontos desse tipo de costura podem ser do tipo 301 ou 401, para uma costura simples. Para uma overclock o ideal é 500, e para pontos combinados, 516. É geralmente utilizada para criar costurar de caráter resistente, como lingeries e camisetas.


Costura rebatida

  • Duas ou mais camadas de material são rebatidas (bordas sobrepostas, de forma simples ou dobrada);
  • Unidas com uma ou mais fileiras de ponto;
  • Costura forte com bordas protegidas pelo desgaste.

Muito utilizada para a fabricação de tecidos pesados, como jeans, se utiliza de ponto corrente 401 e possui forte resistência. Também pode ser utilizada em capas de chuva ou jaquetas e vestidos, com pespontos.


Costura de borda

  • Formada por um debrum ao longo da borda;
  • Camadas unidas com uma ou mais fileiras de costura;
  • Borda limpa, costura ornamental e funcional.

Utilizada com ponto corrente 401 e ponto fixo 301, esse tipo de costura é ideal para golas e acabamentos de camisetas, que são mais firmes.


Costura plana

  • Duas bordas de tecido, planas ou dobradas, unidas e costuradas;
  • Produz junção de peças que não possuem espessura extra;
  • Fio looper suave e resistente.

Utilizam-se pontos zig-zag, corrente e de cobertura com classe 600 para cuecas ou roupas modeladoras, ideal para malhas muito finas.


Costura decorativa

  • Série de pontos ao longo de uma linha reta ou curva que segue um design em camada única;
  • Tipos complexos incluem tubos que produzem relevo;
  • Esse tipo de costura e ponto resulta puramente em elementos decorativos na superfície, como pregas e tranças.

Overloque

  • Borda de uma única camada de tecido;

Esse tipo de costura se utiliza de ponto chuleado, tipo 6.01.01, com borad reforçada. É ideal para cobrir beiradas, utilizada e casos de acabamento de bordas cruas, como em calças, braguilhas e vistas.


Anexação de itens

  • Inclusão de mais de um componente no acabamento;
    Requer dois componentes.
  • Ideal para borda de lingeries.

Alinhavo

  • Peça de tecido voltada para as bordas;
  • Requer apenas um componente.

Utilizada em passantes, ou alças que serão fixadas por máquinas.

Consulte nossos profissionais hoje mesmo e escolha sua máquina ideal!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>